Recentes

Os decretos do Portugal Fashion

Desfiles / Destaques / 23 Março, 2017

No interior do edifício criado por decreto pelo Marquês de Pombal, também o Portugal Fashion inaugurou a sua passerelle com ordem executiva, com o Primeiro-ministro António Costa na assistência a ter as honras de abertura da 40.ª edição do certame, na Cordoaria Nacional, em Lisboa. Pedro Pedro, Alexandra Moura, Alves/Gonçalves e a marca TM Collection by Teresa Martins deram corda ao primeiro de quatro dias de desfiles.

Depois de acomodados os convidados naquela que foi a última adenda à geografia do Portugal Fashion, Pedro Pedro começou a preparar de dentro para fora do edifício da segunda metade do século XVIII que se dedicava à produção de cordas, cabos, velas e outros equipamentos para navios, a chegada da chuva – e do outono-inverno 2017/2018.

Pedro Pedro

Se na rua chovia, a passerelle do designer recém-chegado da Milano Moda Donna sugeria impermeáveis e galochas tão altas que mereceram o mais atento olhar do Primeiro-ministro. Os materiais técnicos e resistentes à água, de resto, dominaram a coleção, que se completou «na estação das parcerias», como afirmou o designer ao Portugal Têxtil, com acessórios inspirados no vestuário de trabalho e na sinalética – que intersetou as peças desconstruídas e oversized de cores vibrantes.

«O calçado é fruto da parceria com a Dom, uma empresa de calçado e vestuário de trabalho, e os sacos surgiram de uma aliança com a Maria Maleta, marca feminina que comigo explorou uma estética sem género», revelou Pedro Pedro.

Alexandra Moura

Contra ventos e marés esteve também a coleção “Cá e Lá” de Alexandra Moura, já apresentada em Londres, que incluiu propostas de homem e mulher para o outono-inverno 2016/2017. Num alinhamento que viajou até ao tempo das colónias portuguesas em Timor-Leste no século XVIII e ao território vizinho da Indonésia, a coleção conjugou-se em gabardinas, brocados, riscas e nós que começavam nas roupas e acabavam no calçado fruto de uma ligação da designer com a marca britânica Volca.

«O que quis trabalhar foi o facto de percebermos que já fomos muito longe, fomos autênticos aventureiros e conquistámos e descobrimos coisas incríveis, pessoas e culturas incríveis e trazer essa fusão para o dia de hoje», resumiu, ao Portugal Têxtil, Alexandra Moura sobre o ponto de partida que levou a silhuetas cada vez mais híbridas.

Alves/Gonçalves

A pensar sempre à frente do seu tempo, como garantiu Manuel Alves ao Portugal Têxtil, a dupla Alves/Gonçalves inspirou-se nas ruas, subverteu os clássicos e jogou com volumes, silhuetas e sobreposição de texturas em peças para mulheres «autênticas e espontâneas». A seda, o veludo, a caxemira e o denim protagonizaram a introspetiva coleção “Not trendy”, but cool.

Com a chuva a bater em retirada, mas as temperaturas a descer, chegou o aconchego da TM Collection by Teresa Martins, num desfile-performance que apagou as luzes da Cordoaria Nacional e, por isso, teve direito a um brinde – entre modelos e público – com um cálice de vinho rosé.

TM Collection

A marca regressada ao calendário do Portugal Fashion apresentou “Touch”, onde se destacaram o 100% lã e as misturas de lã com seda e lã com linho e uma paleta de cor inspirada na natureza. «Acho que é importante juntar vários aspetos da arte e tornar o momento mais especial para ser diferente e ficar na memória», sublinhou a criadora Teresa Martins sobre a mostra que incluiu vários bailarinos e música ao vivo.

A 40.ª edição do Portugal Fashion içou entretanto as velas e ruma agora ao Porto, para mais três dias de desfiles, que se dividem entre nomes emergentes e consagrados.

Hoje, o calendário é da inteira responsabilidade do talento emergente, com os desfiles e a envolvência artística da plataforma Bloom, no Palácio dos CTT. Na sexta-feira e no sábado, 24 e 25 de março, os desfiles atracam em três edifícios emblemáticos da cidade Invicta – o Centro Português de Fotografia recebe Katty Xiomara, o Silo Auto vai desvendar a coleção de Luís Buchinho e a casa-mãe Alfândega do Porto antecipa a próxima estação fria segundo Diogo Miranda, Luís Onofre, Carlos Gil, Nuno Baltazar e Miguel Vieira, entre outros grandes nomes da fileira moda nacional e as mostras da indústria (ver 40 edições e quatro dias de Portugal Fashion).



Etiquetas: ,




Notícia Anterior

ModaLisboa sem fronteiras

Próxima Notícia

A formar o futuro da ITV




Sugestões

ModaLisboa sem fronteiras

A 48.ª edição não deu apenas o mote, deu o exemplo. Depois de 13 edições no Pátio da Galé, a ModaLisboa cumpriu um movimento...

22 Março, 2017   
RECEBA A NEWSLETTER
Dos desfiles às tendências, designers e eventos, a fashionup.pt leva as últimas notícias da moda diretamente à sua caixa de correio.
Os seus dados não serão partilhados com terceiros.
GET THE NEWSLETTER
From runway shows to trends, designers and events, fashionup.pt takes the latest fashion news straight to your inbox.
Your information will not be shared with any third party.
CONTACT US
Please contact us with any editorial or advertising questions.
Thank You. We will contact you as soon as possible.
Contacte-nos
Para questões editoriais ou de publicidade, por favor contacte-nos.
Obrigado. Entraremos em contacto o mais breve possível.
RECEBA A NEWSLETTER
Dos desfiles às tendências, designers e eventos, a fashionup.pt leva as últimas notícias da moda diretamente à sua caixa de correio.
Os seus dados não serão partilhados com terceiros.