Recentes

Literatura de bolsa

Destaques / Marcas / 4 Novembro, 2015

DiorDuneCA imgA Louis Vuitton lembra Marilyn Monroe e a Gucci evoca o deus do vinho. A Dior perdeu-se entre dunas, a Coach lembrou os clubes motards enquanto a Prada continua a ofercer promoções. Foram estes os pontos de partida do luxo para dar corpo às bolsas-desejo desta temporada. A estação fria pede os melhores aliados e as grandes marcas têm os soldados mais resistentes.

 

As joias de Monroe

No século XIX, Louis Vuitton apresentava-se não como um vendedor, mas enquanto artesão de bolsas. O fundador da icónica casa de moda parisiense era o derradeiro “malletier” com quem ninguém estaria capaz de competir.

A incontornável herança da arte de Louis Vuitton, que criou a sua primeira oficina de bolsas e malas de viagem em 1854, está agora nas mãos de Nicolas Ghesquière, atual diretor criativo da casa.

Na sua coleção estreia na Louis Vuitton, Ghesquière apresentou a “Petite Malle” – uma bolsa miniatura de ombro que se converte numa bolsa de mão com uma estética muito próxima de uma mala de viagem – a bolsa recebeu o cunho de “It” e anunciou a imersão do diretor criativo na arte do fundador da insígnia.

Nesta estação, a (re)invenção de Nicolas Ghesquière é a bolsa “Boîte Promenade” – uma versão renovada da clássica “Boîte Flacon”, a mala em formato caixa que carregava as joias e a maquilhagem de mulheres como Marilyn Monroe ou Marlene Dietrich, diversas vezes fotografadas com a criação da casa. O atual diretor criativo reduziu o peso da mala, mas manteve o espaço necessário para parte do universo feminino.

 

Nas dunas

Christian Dior cresceu em Granville, na ventosa zona costeira francesa, numa casa de estética burguesa em tons de rosa. O fundador da casa de moda citou em diferentes alturas a influência desses ambientes – exterior e interior – nas suas criações. Fundada em 1964, a casa de moda foi catapultada para o sucesso meses depois, com o lançamento do “New Look”.

A insígnia volta agora às raízes do fundador e Granville foi a localização escolhida para fotografar a campanha de inverno da Dior. As dunas da comuna francesa assistiram também ao nascimento da bolsa “Dune”, uma proposta ergonómica, terrena, que funciona praticamente como uma extensão do próprio corpo.

 

Clube motard

Stuart Vevers, diretor criativo da Coach – marca de acessórios fundada em 194, em Nova Iorque –, recorda-se de assistir a filmes sobre a américa no Cinemax local em Yorkshire, Reino Unido, e muitas memórias dessas visões panorâmicas dos EUA acabariam por inspirar o seu trabalho, conhecido por uma estética que evoca os subúrbios da américa.

A mais recente proposta da marca é a bolsa “Ace”, apelido comum entre os clubes motards. O estilo da “Ace” remete para os casacos de cabedal designados de “Perfecto”, misturados depois com uma certa dose de reminiscência colegial. Algo próximo de uma “boa menina” que rejeita todas as regras.

 

Prada-BlackTurquoise-Inside-Bag Gucci_blooms bagDeuses e homens

Já na Gucci, Alessandro Michele apresentou uma nova bolsa em paralelo com a primeira coleção feminina para a marca, em fevereiro último.

O atual diretor criativo da casa de moda italiana tinha trabalhado nos acessórios da marca durante a era de Frida Giannini, pelo que sabia que estava capaz de apresentar algo impactante.

A mais recente “Dionysus” carrega mitologia. A bolsa exprime um sentimento vintage e reintroduz o duplo “G” da insígnia como âncora do passado.

 

Promoções de luxo

Na Prada a promoção “2 em 1” ainda vigora. A “Inside Bag” procura reacender a paixão dos consumidores pelas bolsas da marca e chega para reivindicar uma nova tendência: duas bolsas num só look.

Desde a conceção na Toscânia até à apresentação, o design da “Inside Bag” foi cuidadosamente planeado e afinado, sendo este o maior lançamento da casa italiana desde que apresentou a sua menina bonita “Galleria” há oito anos (ver 2 em 1 de luxo).

A coleção “Inside bag” disponibiliza um conjunto de bolsas com outra idêntica no seu interior, mas em tamanho mais pequeno, da mesma cor ou num tom contrastante.

O inverno já pode chegar.

 



Etiquetas: , ,




Notícia Anterior

Tesouro perdido nos Alpes

Próxima Notícia

As interseções de Iris van Herpen




Sugestões

Tesouro perdido nos Alpes

Uma das mais importantes coleções de calçado da Europa fugiu aos reconhecidos museus de Roma ou Paris e caminhou em direção...

4 Novembro, 2015   
RECEBA A NEWSLETTER
Dos desfiles às tendências, designers e eventos, a fashionup.pt leva as últimas notícias da moda diretamente à sua caixa de correio.
Os seus dados não serão partilhados com terceiros.
GET THE NEWSLETTER
From runway shows to trends, designers and events, fashionup.pt takes the latest fashion news straight to your inbox.
Your information will not be shared with any third party.
CONTACT US
Please contact us with any editorial or advertising questions.
Thank You. We will contact you as soon as possible.
Contacte-nos
Para questões editoriais ou de publicidade, por favor contacte-nos.
Obrigado. Entraremos em contacto o mais breve possível.
RECEBA A NEWSLETTER
Dos desfiles às tendências, designers e eventos, a fashionup.pt leva as últimas notícias da moda diretamente à sua caixa de correio.
Os seus dados não serão partilhados com terceiros.