Recentes

Jovens brilham na Pizarro

Destaques / Eventos / 5 Abril, 2017

Na segunda edição, o Concurso Paulo Ribeiro by Pizarro trouxe mais exigência aos candidatos, mas Raquel Castro, a grande vencedora, conseguiu superar a prova com distinção. Na próxima edição, o concurso de jovens designers irá subir mais um nível e abrir candidaturas a estudantes fora de Portugal.

Esta edição do concurso promovido pela Pizarro, que contou com mais de 100 candidaturas, foi ainda mais exigente, com a organização a subir a fasquia, com a abertura a mais instituições de ensino e algumas mudanças no funcionamento. «Nesta edição conseguimos ter um espaço onde cada aluno pôde apresentar o seu projeto, um a um, perante o júri, que não foi só para avaliar mas também para os finalistas terem uma crítica construtiva para o caminho que querem trilhar e que seja ajustado à realidade», afirmou ao Portugal Têxtil Vasco Pizarro, diretor de marketing da Pizarro SA. Além disso, em vez de cinco dos 10 finalistas terem acesso ao mesmo prémio, a empresa decidiu tornar o ambiente mais competitivo, com diferentes prémios. «O objetivo era mesmo distinguir a melhor. No ano passado, havia 50% de hipóteses de conseguirem vencer. Nesta edição, a ideia foi que não houvesse um relaxe quando estivessem a dar vida aos seus trabalhos, que se empenhassem a sério, porque apenas um podia sair vencedor», justificou o diretor de marketing.

Com um júri internacional composto pelo designer Donwan Harrel, conhecido pela marca PRPS, Alberto Candiani, a quarta geração ao leme da empresa italiana familiar Candiani Denim, Margarida Pizarro, diretora industrial da Pizarro, Israel Frutos, diretor criativo da 11 by Boris Bidjan Saberi, e Kai Glatt, cofundador da The Rokker Company, a segunda edição do Concurso Paulo Ribeiro by Pizarro – que ganhou o seu nome em homenagem ao primeiro funcionário da Pizarro (ver Pizarro leva jovens aos EUA) – consagrou Raquel Castro, aluna do segundo ano da Escola de Moda do Porto, como a grande vencedora.

«Usei como inspiração os antigos asilos», afirmou Raquel Castro ao Portugal Têxtil, momentos após ter ouvido o seu nome da boca do fundador da Pizarro SA, Manuel Pizarro. «Fascina-me a forma como eram tratadas as mulheres antigamente, que eram submetidas as experiências medicinais ilegais. Quis no meu coordenado transparecer um lugar caótico e formar uma peça um pouco esquizofrénica: a ideia do casaco, que era largo, porque os asilos são gigantes, mas ao mesmo tempo apertado, porque a mulher está presa lá», explicou a jovem de 18 anos, ainda com alguma incredulidade com o prémio, que a levará aos EUA durante quatro semanas, com passagem pela Universidade da Virgínia e o atelier de Donwan Harrell em Nova Iorque.

O concurso distinguiu ainda o trabalho de três outros candidatos, entre os 10 finalistas. Elisa Martins, da Faculdade de Arquitetura de Lisboa, ficou em segundo lugar e com isso parte para Milão para uma semana junto da Candiani, Marco Cesário, da Escola de Moda do Porto, vai para Barcelona contactar de perto com as tecnologias da Jeanealogia, e Alessandra Rizzi, da Universidade do Minho, terá as portas abertas da Baptista & Soares para um estágio.

«Não lhes estamos a garantir nada, obviamente, mas garante experiências, garante uma aproximação à realidade industrial e garante aos vencedores uma experiência extra em que qualquer um de nós gostava de participar», sublinhou Vasco Pizarro.

O concurso é, de resto, uma aposta firme da empresa, que pretende que o mesmo se realize todos os anos. Como tal, para a próxima edição já há novidades, com o Concurso Paulo Ribeiro by Pizarro a abrir-se a estudantes internacionais, anunciou o diretor de marketing.

Portugal com Arte

O evento serviu ainda para a Pizarro apresentar aos seus clientes a coleção própria, tanto com a abertura do showroom, dedicado ao “made in Portugal”, como com o desfile que se seguiu à apresentação das propostas do concurso. Ao som de uma banda sonora completamente nacional, com uma performance ao vivo que passou dos êxitos mais recentes aos clássicos como “A Minha Casinha” dos Xutos e Pontapés desfilou “Portugal com Arte”, uma coleção onde a parceria com o artista plástico Pedro Guimarães esteve em destaque. Usando os recursos da empresa, onde se inclui a gravação a laser e a recente introdução da estamparia digital em peça, os quadros de Pedro Guimarães serviram de inspiração aos designs que invadiram camisolas, casacos, vestidos e calças, com alguns coordenados a ostentarem ainda partes de poemas de fados, como “Ó gente da minha terra”.

«A apresentação de uma coleção própria serve principalmente para mostrar aos clientes aquilo que podemos fazer. Hoje em dia não tem lógica mostrar uma peça de um cliente a outro cliente», considera Vasco Pizarro, que adiantou ainda que a apresentação integrada no concurso e no espetáculo pretende «mimar um pouco os nossos clientes, mostrar algo sério, algo que foi pensado durante algum tempo pela nossa equipa, que é fantástica. Esta parte criativa é algo, que uma empresa como a nossa, que se rege pela inovação, tem que ter hoje», assumiu.



Etiquetas: , , ,




Notícia Anterior

Diálogos improváveis

Próxima Notícia

A mulher da Maragata




Sugestões

Diálogos improváveis

Logo após o rio se transformar em mar e bem de frente para as praias da Foz do Douro, encontramos uma das principais lojas...

4 Abril, 2017   
RECEBA A NEWSLETTER
Dos desfiles às tendências, designers e eventos, a fashionup.pt leva as últimas notícias da moda diretamente à sua caixa de correio.
Os seus dados não serão partilhados com terceiros.
GET THE NEWSLETTER
From runway shows to trends, designers and events, fashionup.pt takes the latest fashion news straight to your inbox.
Your information will not be shared with any third party.
CONTACT US
Please contact us with any editorial or advertising questions.
Thank You. We will contact you as soon as possible.
Contacte-nos
Para questões editoriais ou de publicidade, por favor contacte-nos.
Obrigado. Entraremos em contacto o mais breve possível.
RECEBA A NEWSLETTER
Dos desfiles às tendências, designers e eventos, a fashionup.pt leva as últimas notícias da moda diretamente à sua caixa de correio.
Os seus dados não serão partilhados com terceiros.