Recentes

Caminhada à beira-mar

Designers / 24 Outubro, 2016

A atmosfera melancólica da região Litoral, a saudade sentida pelas mulheres dos pescadores que saem para o mar, as cores e sensações que só se encontram em Portugal são o ponto de partida para o outono-inverno 2018/2019 de Luís Buchinho.

Mantendo o carácter sofisticado e citadino que caracterizam o seu trabalho, o designer de moda parte de um imaginário nostálgico, quase rude, para representar com elegância a silhueta feminina.

Descendente de uma família de pescadores, Luís Buchinho passou toda a sua infância e adolescência nas praias de Setúbal. É, por isso, natural que a sua linguagem estética seja fortemente marcada pela ligação ao mar e à cultura portuguesa. «Esta coleção dá continuidade ao percurso de coleções anteriores – a tradicional Calçada Portuguesa (outono-inverno 2012/2013) e a Revolução do 25 de Abril de 1974 (outono-inverno 2013/2014), que expressam a nossa identidade enquanto nação», introduz

O designer partilha que foi no verão passado, de férias na Zambujeira, que naturalmente encontrou as referências que viriam a inspirar a criação desta nova coleção. Durante vários dias, percorreu a costa e fotografou pedras, redes e falésias, transpondo, posteriormente, as suas cores e texturas cruas para os padrões dos tecidos utilizados. No moodboard encontramos ainda um conjunto de fotografias antigas, que nos transportam de volta à vida humilde das tradicionais aldeias piscatórias.

A paleta de cores apresentada por Luís Buchinho é dominada pelo preto, como expressão da dureza e tristeza de quem confia a sua vida à indecisão do mar. O xadrez em fundo vermelho, típico das camisas dos homens do mar, é desconstruído e reinventado, enquanto que o brilho das escamas dos peixes é recriado por tons metalizados ligeiros. Ainda numa clara alusão à atmosfera marítima, uma paleta de argilas, castanhos, beges e acobreados unifica toda a coleção.

Materiais impermeáveis, rígidos e com elevada resistência térmica, peles e malhas com texturas brutas são selecionados com a preocupação de construir peças duráveis e transversais a várias situações. Em contraste, surgem tecidos fluídos que lembram as ondulações da areia e do mar, concretizando um ponto de equilíbrio, num diálogo perfeito entre a atmosfera masculina e feminina.



Etiquetas: , ,




Notícia Anterior

Floresce design no país das tulipas

Próxima Notícia

O assassinato de Versace na TV




Sugestões

Floresce design no país das tulipas

Subverter sistemas, levantar questões éticas e interpelar a propriedade são atualmente os três pilares nos quais se equilibra...

20 Outubro, 2016   
RECEBA A NEWSLETTER
Dos desfiles às tendências, designers e eventos, a fashionup.pt leva as últimas notícias da moda diretamente à sua caixa de correio.
Os seus dados não serão partilhados com terceiros.
GET THE NEWSLETTER
From runway shows to trends, designers and events, fashionup.pt takes the latest fashion news straight to your inbox.
Your information will not be shared with any third party.
CONTACT US
Please contact us with any editorial or advertising questions.
Thank You. We will contact you as soon as possible.
Contacte-nos
Para questões editoriais ou de publicidade, por favor contacte-nos.
Obrigado. Entraremos em contacto o mais breve possível.
RECEBA A NEWSLETTER
Dos desfiles às tendências, designers e eventos, a fashionup.pt leva as últimas notícias da moda diretamente à sua caixa de correio.
Os seus dados não serão partilhados com terceiros.